Campanhas  •  Nacionais

Campanha "SOS comunidades ciganas"_Relançada a 1 de maio

Data: Mai, 01 2020
Partilhe:


Campanha da EAPN Portugal visa ajudar a combater crise sanitária


Os nove concelhos (Elvas, Beja, Mourão, Guarda, Fundão, Viseu, Braga, Barcelos e Porto) onde a EAPN Portugal está a trabalhar com as comunidades ciganas, foram os primeiros a receber os kits de higiene adquiridos com verbas angariadas através da campanha “SOS comunidades ciganas” que visa doar às famílias mais carenciadas estes materiais por forma a combater a pandemia.

No total, até à data, foram adquiridos 500 kits, abrangidas 126 famílias e angariados 9.500 euros.

Na próxima semana a EAPN Portugal fará, por exemplo, chegar mais kits de higiene a toda a população do Bairro das Pedreiras, em Beja, que conta com 800 pessoas, cerca de 150 famílias e dará continuidade a esta distribuição mediante os donativos que conseguir obter, respondendo ao maior número de pessoas, incluindo os pedidos que tem chegado directamente à sede da EAPN Portugal.

A organização conseguiu angariar os 9.500 euros através dos seus associados, de algumas empresas e, ainda, de pessoas singulares que acreditam na absoluta necessidade desta acção. Cada Kit de higiene e limpeza (máscaras, luvas, álcool, sabão, toalhitas desinfectantes e lixívia) custa 22 euros e todas as contribuições são bem-vindas.

A campanha “SOS comunidades ciganas” foi lançada no passado dia 9 de abril e, amanhã, dia 1 de maio, a será relançada nos órgãos de comunicação social e nas redes sociais tendo em Salvador Sobral, um aliado. O músico aceitou o convite desta ONG, promotora da iniciativa que quer ajudar a travar a COVID 19, junto das famílias que vivem em acampamentos e barracas, em condições que ferem a dignidade humana e colocam em risco a saúde individual e comunitária.

«As famílias que vivem em acampamentos e barracas, sem acesso a água, luz e a uma habitação digna, são as que mais necessitam de protecção face à pandemia que vivemos. São famílias que possuem apenas, como meio de subsistência, os rendimentos provenientes da realização das feiras e da venda ambulante e que enfrentam, além dos problemas de salubridade, a suspensão das suas actividades por período indeterminado», explica o presidente da EAPN Portugal, congratulando-se com o gesto «benemérito de Salvador Sobral que tem a bondade de levar mais longe esta campanha, dando-lhe a dimensão internacional da sua voz e da sua própria visibilidade enquanto figura pública. Podia não o ter feito, mas fê-lo e temos de lhe agradecer por isso, por nos ajudar a lutar, por um lado contra o preconceito e a indiferença e, por outro, por incentivar as pessoas a ajudarem-nos nesta nossa missão de lutar contra a pobreza e a exclusão social”.

O levantamento das necessidades destas comunidades está a ser levado a cabo pelos núcleos distritais da EAPN Portugal que após esta acção definirá, com mais rigor, as novas metas desta campanha. Algumas comunidades ciganas carecem não só de alimentos e de materiais de higiene, como de informação e, por isso, os kits sãos acompanhados de um desdobrável informativo sobre a COVID-19.

O presidente da EAPN Portugal já agradeceu a Salvador Sobral, o ter aceitado o convite para ser o porta-voz desta campanha. «Sublinho que o gesto de Salvador Sobral torna-se ainda mais nobre face às dificuldades colocadas, por esta pandemia, a todos os artistas portugueses. Felicito-o por não lhe faltar solidariedade para, mesmo assim, pensar no Outro; nos que mais precisam, no momento tão difícil que vivemos. É de elementar justiça e um dever ético, actuar na defesa e prevenção da COVID 19, nomeadamente junto daqueles que não têm habitação digna, (sem água e sem saneamento), apenas uma barraca» disse, em carta, Jardim Moreira ao músico.

De acordo com os números mais recentes (2014) apurou-se a existência de 24 210 portugueses ciganos em território nacional e a EAPN Portugal direccionou esta campanha, que decorre até 31 de maio, às famílias mais carenciadas.

O donativo pode ser feito através de transferência bancária para a conta da EAPN Portugal/Rede Europeia Anti Pobreza: IBAN: PT50 0036 0030 99101729793 88

Todos os donativos constam com transparência no site da EAPN Portugal, comprometendo-se a organização a fazer uma constante actualização.